Evento: Deleitar, Instruir, Mover

Abril sempre foi um mês especial pra mim. Mês do meu aniversário, ora bolas. Mas ano passado esse mês foi um mês articularmente doido. Abriu feridas inesperadas. Em 2010, no final do mês, partiu o querido Prof. Manoel Salgado e minha mãe sofreu um AVC.

Fazendo uma breve retrospectiva, maio/2010 foi um dos, senão “O” mês mais duro dos meus poucos 24 (quase 25) anos. Mas superamos! A pesquisa que quase abandonei por conta da desorientação (acadêmica e interna) já foi retomada. A minha mãe se recuperou surpreendentemente bem, seu reestabelecimento foi rápido e quase não deixou sequelas. Thanks God!

E anteontem recebi a notícia maravilhosa de que a minha mãe voltou a estudar. Bom né?! Nem sei fazer as contas de quanto tempo ela ficou fora de uma sala de aula. Também não sei se foi realmente e simplesmente pela sugestão da fisioterapeuta dela (foi o que me disse) ou se de fato,  ela resolveu atender algum dos meus pedidos. E por isso estou feliz. Feliz porque sei quanto a instrução pode mudar a nossa visão de mundo, a nossa vida. Feliz porque minha mãe superou muito bem o susto que a vida lhe deu e está dando valor a esta segunda chance.

E há pouco tempo também foi a minha vez de tomar contato com a instrução de forma diferente: agora sou eu quem fica lá na frente. Não, ainda não é em uma escola, nem numa universidade (ainda), mas estou fazendo parte de um projeto muito bacana que envolve aulas para alunos de pré-vestibular (PVS – CEDERJ – Fundação CECIERJ) e, confesso, há alguma coisa de mágico em dar aulas. Há sim. E espero, do fundo do meu coração, que o deleite não seja apenas meu nisso.

Fiquei feliz, enfim, por poder nessas minhas aulas passar um pouquinho da visão de História que tenho aprendido até aqui e espero colaborar para a formação daqueles quase 400 alunos de alguma maneira.

E qual não foi a minha alegria ao ver ontem em um dos murais do Instituto de História (ex-IFCS/UFRJ) um cartaz informando sobre o evento abaixo:

Inscrições aqui.

As mágicas aulas do Prof. Manoel deixaram uma marca indelével na minha formação e por isso (e outras razões não tão racionais assim) estarei lá na quarta-feira. E espero que alguns colegas possam ir. Depois desses primeiros parágrafos que escrevi acho que ficaria “demais” continuar escrevendo.

Bom final de abril pra vocês! O meu, aparentemente, será bem diverso do que foi em 2010. Felizmente.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s